Ações preventivas reduzem índices de fumantes na capital

16 de Junho de 2017, 15:35

Com 5,4% de fumantes, a capital sergipana é uma das cidades com menor índice de fumantes do país. O dado é da Pesquisa de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel Brasil), que reúne informações coletadas em 2016 sobre a população com idade igual ou superior a 18 anos. O dado aponta para a diminuição do índice de fumantes em Aracaju nos dois últimos anos, visto que em 2015 a prevalência de tabagistas era de 6,7%.

Lívia Angélica da Silva, apoio técnico da Atenção Oncológica da Secretaria de Estado da Saúde (SES), destaca que o alcance desses resultados se deve a uma política nacional de controle do tabagismo intersetorial, descentralizada para os estados e municípios, e responsável por diversas ações de prevenção e controle. Entre as ações, as campanhas de conscientização, a lei antifumo, a proibição das propagandas de cigarro, o aumento de impostos sobre o cigarro e o conseqüente aumento do preço do produto. Esses são fortes indutores da redução do consumo do tabaco”, ressalta.

Para reduzir o número de doenças e óbitos causados pelo fumo, assim como a dependência do tabaco, a SES desenvolve o ‘Programa Estadual de Controle do Tabagismo’, implantado em diversos municípios sergipanos, na década de 90.

O programa tem como foco a promoção da saúde por meio de estratégias de prevenção da iniciação. A partir do programa são realizadas campanhas de conscientização e ações nas unidades de saúde através da abordagem parar de fumar e a oferta do tratamento do tabagismo. Promove também ações nas escolas e em ambientes de trabalho para proteção ao tabagismo passivo, que implica em evitar entre não fumantes a inalação da fumaça de derivados do tabaco.

A SES também realiza treinamento com profissionais de nível superior, dos diversos níveis de atenção, a exemplo de médicos e enfermeiros para que haja, em seguida, o planejamento para utilização de medicamentos oferecidos pelo Ministério da Saúde para a implantação do Programa de Tratamento do Tabagismo. Sobre o Programa, Sergipe já implantou os tratamentos em combate ao tabagismo em 51 municípios e este ano ampliará para outras localidades.

 

Fonte: ASN

  • Medium 8dda6517256b11bdbe2239666971e201